Ampliação do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros protegerá espécies do Cerrado – 13/06/2017

By 13 de junho de 2017Destaque, Notícias

Foto: Alexandre Silva/PR | Belezas naturais do Parque atraem milhares de turistas durante o ano

 

Fonte: Portal Brasil

 

Decreto assinado pelo presidente Michel Temer autoriza expansão da área protegida de 65 mil para 240 mil hectares

Ecologistas e produtores comemoram a ampliação do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros (GO). Depois de 16 anos de espera, agora a área passará de 65 mil para 240 mil hectares. O decreto que autoriza a expansão, assinado pelo presidente da República, Michel Temer, nesta segunda-feira (5), é considerado um passo importante para proteger o Cerrado.

De acordo com estudos feitos pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), a expansão vai proteger 17 espécies da flora e 32 espécie da fauna ameaçadas de extinção.

“Os novos limites são fundamentais para conservação porque os grandes mamíferos se locomovem a grandes distâncias ao longo do dia. Essa área nova abriga ecossistemas que hoje não estão protegidos na forma de um parque nacional, por exemplo, as matas secas, que têm alto grau de ameaça. Ampliar o limite do parque, abrigando também o ecossistema da mata seca, é importante para manutenção desse ecossistema. Além disso, os novos limites conservam também plantas endêmicas, plantas raras, além de abrigar locais belíssimos”, afirma Fernando Tatagiba, chefe nacional do Parque.

A nova demarcação do parque também trouxe entusiasmo ao produtor Lourenço de Andrade Almeida, que terá a propriedade reconhecida como área preservada. Feliz com a medida, ele acredita que a mudança trará benefícios para a comunidade. “A ampliação vai ajudar a preservar o cerrado. Vai ser uma conquista que vai levar a outras ações, à preservação de unidades. Vai criar um movimento em defesa do meio ambiente que é importante para todos nós”, diz. 

Turismo

Com diversas formações vegetais, nascentes e cursos d’água, rochas com mais de um bilhão de anos, além de paisagens de rara beleza, a Chapada dos Veadeiros atrai milhares de turistas ao longo do ano. Esse potencial turístico também será beneficiado com a ampliação da área. 

“A gente tem bastante atividade para o turismo de aventura. A região é muito vasta e encontra diversos atrativos, entre morros para escalada, rios, para prática de esportes aquáticos e uma imensa vastidão de terras para as trilhas e caminhas e trekkings de longa duração. A expansão do parque só vai aumentar as oportunidades nesse setor econômico que é o turismo”, avalia Julio Itacaramby, da Associação de Guias e Prestadores de Serviço em Ecoturismo da Chapada dos Veadeiros. 

Histórico

Quando foi criado, em 1961, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros tinha 625 mil hectares de área protegida. A primeira redução ocorreu em 1972, quando o Ministério da Agricultura fez um diagnóstico e reduziu os limites para 171.924 hectares. Nove anos depois, em 1981, o parque foi novamente reduzido, ficando restrito a 65 mil hectares, por conta do Projeto “Agropecuários Alto Paraíso”, apresentado pelo governo de Goiás.   

Em 2001, foi reconhecido como Sitio do Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO e teve sua área ampliada para 235 mil hectares. Entretanto, o decreto de ampliação foi suspenso em 2003 pelo Supremo Tribunal Federal, por falhas no processo e consulta pública, voltando à área definida em 1981.

 

Fonte: Portal Brasil, com informações do ICMBio